A música que você ouve interfere no sabor da cerveja

A música que você ouve interfere no sabor da cerveja

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Por essa você, com certeza, você não esperava!

Na Bélgica, um brasileiro – só poderia ser – chamado Felipe Reinoso Carvalho, decidiu unir cerveja e música em um estudo para ver no que ia dar, e o resultado foi que a música que você ouve no bar (ou em casa) interfere no sabor da cerveja.

Como aconteceu esse estudo que reúne música e cerveja?

Música e cerveja são a paixão de muitas pessoas, não é à toa que existem muitos – muitos mesmo! – lugares onde as pessoas se reúnem para tomar cerveja e ouvir uma boa música. Seja em um show de rock ou em um barzinho que serve feijoada aos sábados, sempre tem uma música acompanhando o momento.

Para Felipe, a paixão é a mesma. Por isso, ele foi até o museu de Bruxelas, capital da Bélgica, para realizar um teste: dividiu as cervejas em três categorias – notas adocicadas, notas amargas e outras com paladar mais azedo. Então entregou as cervejas para os voluntários e colocou a música para tocar, separadamente.

Voluntários que ficaram com a cerveja mais adocicada ouviram uma trilha calma de piano. A cerveja com notas amargas ficaram acompanhadas de um som mais grave do baixo e, por último, um estilo mais complexo de instrumentos metálicos foi apresentada junto da cerveja mais azeda.

Mas, o que os participantes não sabiam era que as cervejas que eles tinham tomado eram exatamente a mesma, nada de separação de categorias! Então, Felipe concluiu que a música que os voluntários ouviram teve influência sobre o paladar da cerveja, o estudo revelou que frequências mais baixas que possuem sons graves acentuam os sabores amargos, e frequências altas, com agudos, realçam a doçura da bebida.

O que toca nas suas playlists?

A partir desse estudo, é bom ficar atento às músicas que vem tocando na sua playlist do churrasco de domingo, ou então, qual estilo de bar ou show você frequenta. Sabendo que os tons das músicas influenciam no gosto da cerveja, pode ser que aquela cerveja que você tomou ouvindo pagode na casa do seu amigo não tem exatamente aquele sabor.

Coloque suas músicas para tocar enquanto degusta uma cerveja
Coloque suas músicas para tocar enquanto degusta uma cerveja

Que tal fazer o experimento na sua casa? Te desafiamos a experimentar a mesma cerveja ouvindo três estilos de música diferentes.

Desafio 1 – Cerveja Providência Double Stout Cacau

A Double Stout Cacau é do tipo Imperial Stout que recebe adição de cacau e chips da madeira amburana durante a maturação, que remetem notas de madeira intensa e doce, o que ainda a torna mais complexa e saborosa. Elaborada em parceria com os cervejeiros Paulo Cavalcanti (Bodebrown – Curitiba) e o norte americano Chris Kirk (Banded Oak Brewery – Denver), essa é mais uma cerveja mais alcoólica.

Tome ao som de: heavy metal, bossa nova e pop rock.

Desafio 2 – Cerveja Providência Session IPA

A Providência Session IPA é uma cerveja ale de escola americana. Cerveja muito refrescante, de cor dourada, baixo teor alcoólico e com as principais características de uma cerveja lupulada e extremamente aromática. Nascida de uma parceria entre a Providência e Bodebrown.

Tome ao som de: classic rock, blues e punk rock.

Desafio 3 – Cerveja Providência Dunkel Premium

A Providência Dunkel Premium é uma cerveja lager da escola alemã e do estilo Schwarzbier, de cor escura, belo creme, sabores torrados, baixo amargor do lúpulo e com aromas que remetem a café e/ou chocolate. Leve e sem muita complexidade e seu sabor tostado vem dos maltes tostados. Se engana quem espera uma cerveja doce.

Tome ao som de: jazz, reggae e grunge.

Depois de fazer o experimento, conte para nós o resultado nos comentários!

O que você está procurando?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Receba sempre em primeira mão

Cadastre-se em nossa newsletter e receba sempre em primeira mão as novidades do Olinda Hotel.